Blog Tecnológico

BIM 6D: Sustentabilidade

Cláudia Vieira • 05 fev 2021 • Autodesk BIM

BIM 6D: Sustentabilidade

 

BIM é um processo integrado, no qual existem dimensões do 3D ao 7D oficialmente. Vimos aqui no blog da ENG que a dimensão 3D apresenta recursos como clash detection, o 4D abrange o planejamento de obra e 5D custos e orçamentação. Desta vez iremos falar sobre a sexta dimensão.

A dimensão 6D entra como a sustentabilidade na construção. Quando pensamos em um projeto e todas as etapas da obra, tradicionalmente nos voltamos para os custos iniciais. Porém, quando levamos em conta o custo integral da vida útil dos ativos, pensamos mais precisamente nos custos e sustentabilidade.

 

Essa dimensão inclui várias informações a fim de oferecer suporte ao gerenciamento de um ativo e suas instalações, para que possamos obter os melhores resultados possíveis.

O detalhamento do 6D é voltado para a sustentabilidade de um ativo. Nela, obtemos dados que incluem informações precisas sobre cronogramas de manutenção, informações necessárias do fabricante, como obter um desempenho ideal, detalhes de sua vida útil e até mesmo sua desativação. Tudo isso através de detalhes que são configurados e operados de acordo com cada projeto. Com este nível de detalhamento e informações, conseguimos planejar manutenções com antecedência.  

Falar sobre o conceito da sustentabilidade em uma obra não é tão simples quanto parece, principalmente se focarmos em inovação, porque para projetar sustentavelmente impacta nos custos e qualidade. Então, se adotarmos uma metodologia com este tipo de processo e gerenciamento, permitimos uma melhora no desempenho da edificação.

Adicionar o 6D ao seu modelo, assim como no caso das outras dimensões, permite que decisões sejam tomadas ou alteradas em qualquer momento do processo da modelagem. Por exemplo: um componente que inicialmente duraria cerca de 10 anos, pode ser substítuido por outro que dure o dobro desse tempo. Levando em consideração se economicamente faça sentido. Ao estudarmos como aplicar todas essas informações, é importante que o resultado agregue valor ao usuário.

 

 

O que podemos obter de vantagem através dessa dimensão?

  • Aumento de produtividade;
  • Redução de custos;
  • Fidelidade ao cronograma;
  • Controle de processos;
  • Monitoramento de informações (cronogramas de manutenção, fabricantes);
  • Informações de vida útil e desativação.

 

Basicamente esta dimensão consegue prever todo o ciclo de vida e manutenções da obra do início até o final. Com essa abordagem planejada e proativa, temos muitos benefícios em relação a custos o que nos permite um planejamento antecipado das atividades necessárias de manutenção com muito tempo de antecedência, evitando programas ineficientes de gestão e reparos caros. A longo prazo, a redução dos custos é bem significativa, pois o projeto possui previsibilidade e as atividades de manutenção podem ser pré-planejadas.

Na prática o 6D pode gerar simulações termo dinâmicas, com o objetivo de entendermos como a luz e calor estarão dispostos nos ambientes. Sendo interessante para a instalação de ar-condicionado, colocação de esquadrias, consumo de energia elétrica e um estudo direcionado à sustentabilidade.

 

Gostou deste conteúdo?




 

 

Cláudia Vieira

Cláudia Vieira

Técnica em Desenho da Construção Civil pela ETEC, graduanda em Engenharia Civil pela Universidade Cruzeiro do Sul, é encantada por tecnologia BIM e inovação na construção civil, possui experiência em softwares como AutoCAD e Revit.

Prvacidade e Proteção de Dados | ENG DTP & Multimídia

ENG DTP & Multimídia - Logo

 

 

ENVIE SEU CONTATO e SEUS COMENTÁRIOS

ENG DTP & Multimídia

ENG DTP & Multimídia. Todos os direitos reservados.
Nossa Política de Privacidade e Proteção de Dados.